Documentação e representação do Patrimônio: Aproximação teórico-metodológica[Fase 2] - Santa Leopoldina Digital

Resumo: Esse projeto se insere na linha de pesquisa “Sistemas, Informações, Tecnologias e Metodologias: Aplicação na conservação e intervenção no Patrimônio”, do Laboratório Patrimônio & Desenvolvimento, investigação concebida como uma abordagem interdisciplinar, a se realizar por meio de articulações entre documentação, representação e intervenção patrimonial, em diferentes camadas e escalas de sedimentação histórica. Nesta perspectiva, propõe discutir as articulações entre políticas de conservação e desenvolvimento, por meio de: 1) Estudo técnico e científico orientado à elaboração de subsídio metodológico e instrumento de documentação, representação e inclusão social do patrimônio; 2)Investigação de procedimentos de conservação do patrimônio, entendido como elemento estruturante de identidade local; 3) Produção de sistema de informação e divulgação do patrimônio; 4)Produção de sistema de informação e divulgação do patrimônio; 5)Aproximação à arqueologia da arquitetura como subsídio à conservação e restauração arquitetônica e urbana; 6) produção base de dados por meio de registro de elementos patrimoniais (ambientais, territoriais, e socioeconômicos); 7)Produção de representação identitária, nas escalas arquitetônica, urbana e territorial. O projeto se apresenta como continuidade em relação à Fase 1, desenvolvida no período 2014-2015, e sua ampliação na perspectiva da documentação e da representação do patrimônio arquitetônico, urbano e territorial. Em suma, o presente projeto de pesquisa propõe a documentação e a representação do patrimônio com o uso de sistemas, tecnologias e metodologias abertas e amplas o suficiente para abarcar a totalidade dos estudos relacionados à temática central do Patri_Lab, Patrimônio & Desenvolvimento. Nesta perspectiva, pretende superar o sentido de documentação enquanto banco de dados, para se configurar como um instrumento vivo, inserindo-se no debate sobre permanências e transformações na contemporaneidade. A elaboração da pesquisa nessa Segunda Fase, de divulgação e interação interna e externa, fundamenta-se, em nível conceitual, na discussão epistemológica a cerca do contraponto entre real/virtual, representação/atualização, explorando a ferramenta de geoprocessamento como instrumento e técnica com potencial para refletir sobre os valores tangíveis e intangíveis do ambiente antropizado, arquitetura e cultura, o patrimônio territorial, o restauro, a participação cidadã. Em nível metodológico, adota uma abordagem empírica e experimental, respectivamente pesquisa de campo e laboratorial. No que se refere ao objeto, o estudo do patrimônio territorial do município de Santa Leopoldina se particulariza pelo centro urbano e comunidades rurais como Suiça, Luxemburgo, Tirol, Califórnia e Holanda; particularmente práticas originárias de saberes tradicionais, cognitivos e físicos, como técnica construtiva, disposição dos lotes e edifícios no sítio, bem como aquelas vinculadas ao patrimônio socioeconômico. O objetivo é verificar nexos culturais e técnicos oriundas de ciclos de territorialização que remontam à segunda metade do século XIX; e construir uma plataforma colaborativa digital e, assim, disponibilizar dados qualitativos e quantitativos vinculados aos valores patrimoniais de Santa Leopoldina.

Data de início: 2016-08-01
Prazo (meses): 12

Participantes:

Papelordem decrescente Nome
Coordenador Renata Hermanny de Almeida
Transparência Pública
Acesso à informação

© 2013 Universidade Federal do Espírito Santo. Todos os direitos reservados.
Av. Fernando Ferrari, 514 - Goiabeiras, Vitória - ES | CEP 29075-910