Monumento, cidade e paisagem

Código: PGAU-1222
Curso: Mestrado em Arquitetura e Urbanismo
Créditos: 4
Carga horária: 60
Ementa: Conceituação e visão histórico-crítica do monumento arquitetônico articulado no contexto da cidade e do seu entorno. História do monumento; sua função arquitetônica, artística e simbólica; suas ressignificações e o papel que assume na cidade da contemporaneidade. A cidade como artefato histórico, o fato urbano e o monumento; a cidade como palimpsesto: texto, hipertexto e interpolação no texto. A paisagem como monumento: história, imagem e simbolismo. Discursos e práticas das disciplinas da conservação e do urbanismo.
Bibliografia: ALMANDOZ, Arturo (ed.). Planning Latin American’s capital cities, 1850-1950. London: New York: Routledge, 2010.
ANDAROLO, Maria (org.). La teoria del restauro nel novecento da Riegl a Brandi: atti del convegno internazionale di studi. Firenze: Nardini Editore, 2006.
ARNAUD, Jean-Luc. Analyse spatiale, cartographie et histoire urbaine. Marseille : Parenthèses, 2008.
BABELON, Jean-Pierre. & CHASTEL, André. La notion de patrimoine. Paris: Liana Levi, 1994.
BRANDI, Cesare. Teoria da restauração. Cotia-SP: Ateliê Editorial, 2008.
CASTRIOTA, Leonardo Barci. Patrimônio cultural: conceitos, políticas, instrumentos. São Paulo: Annablume; Belo Horizonte: IEDS, 2009.
CHOAY, Françoise. A alegoria do patrimônio. São Paulo: Estação Liberdade: UNESP, 2006.
CORNER, James (ed.). Recovering landscape: essays in contemporany landscape architecture. New York: Princeton Architectural Press, 1999.
COSGROVE, Denis; DANIELS, Stephen (ed.). The iconography of landscape: essays on the symbolic representation, design and use of past environments. New York: Cambridge University Press, 2008.
DELPHIM, Carlos Fernando de Moura. Intervenções em jardins históricos: manual. Brasília: IPHAN, 2005.
ELSHESHTAWY, Yasser (ed.). Planning Middle Eastern cities: an urban kaleidoscope in globalizing world. London: New York: Routledge, 2010.
GIOVANNONI, Gustavo. L’urbanisme face aux villes anciennes. Éditions du Seuil, 1998.
LAMAS, José M. Ressano Garcia. Morfologia urbana e desenho da cidade. Lisboa : Calouste Gulbenkian, 2000. (2ª edição)
LE GOFF, Jacques (dir.). Patrimoine et passions identitaires. Paris: Éditions Fayard, 1998.
LEITE, Luiz Eugênio Teixeira; RIBEIRO, Nelson Pôrto. O Rio que o Rio não vê: os símbolos e seus significados na arquitetura civil do centro da cidade do Rio de Janeiro. São Paulo: AORI Produções Culturais, 2012.
NORBERG-SCHULZ, Christian. Architecture: presence, language, place. Milano: Skira, 2000.
PESSÔA, José & PICCINATO, Giorgio (org.). Atlas de centros históricos do Brasil. Rio de Janeiro: Casa da Palavra, 2007.
POULOT, Dominique. Uma história do patrimônio no Ocidente, séculos XVIII-XXI: do monumento aos valores. São Paulo: Estação Liberdade, 2009.
RICOEUR, Paul. A memória, a história, o esquecimento. São Paulo: Editora da Unicamp, 2007.
RIEGL, Aloïs. El culto moderno a los monumentos: caracteres y origen. 3. ed. Madrid: Machado Libros, 2008.
ROCA, Francisco Javier Gallego (ed.). Renovación, restauración y recuperación arquitectónica y urbana en Francia: el caso de París. Espanha: Universidad de Granada, 2001.
RODWELL, Dennis. Conservation and sustainability in historic cities. Blackwell Publishing, 2007.
SPELLMAN, Catherine (ed.). Re-envisioning landscape / architecture. Barcelona: Actar, 2003.
VIOLLET-LE-DUC, Eugenne E. Restauração. São Paulo: Ateliê Editorial, 2006.
WHEELER, Stephen M. & BEATLEY, Timothy (ed.). The sustainable urban development reader. London: New York: Routledge, 2009.

Transparência Pública
Acesso à informação
Reuni

© 2013 Universidade Federal do Espírito Santo. Todos os direitos reservados.
Av. Fernando Ferrari, 514 - Goiabeiras, Vitória - ES | CEP 29075-910